Ando com uma tristeza sem fim...

Ando numa tristeza tão grande
Tristeza sem profundeza
Sem fim

Uma tristeza que não passa
Tristeza que domina
Sem cor, sem razão

Ando com essa tristeza
Tristeza que afoga
Que aspira

Tristeza que pra mim sempre vem
Tristeza que de mim não sai
Tristeza que em mim só cresce

Ando com essa tristeza inoxidável
Mas que corrói a alma
Envelhece meu rosto

Tristeza que deixa meus olhos com a cor do vazio
Boca amarga, mãos frias, pernas trêmulas
Mas o coração sempre quente

Tristeza que só deseja mais tristeza
Ando triste sim, tristeza sem fim
Mas com muito amor, muito amor sim

Thais Samara de Castro Bezerra
Janeiro de 2012.

Anúncios